quarta-feira, maio 05, 2010 Margarida Lozano 5 Comments

Ok...


Um amigo meu queria ver umas casas, e como combinamos tomar um café aproveitei para lhe fazer companhia e ver também. Estávamos numa zona em que as casas já tinham os seus poucos anitos, e deparamos num espaço muito bonito e decidimos ver um T2 que estava à venda. Lá falamos com o agente imobiliário, que entretanto teve de telefonar à proprietária da casa para avisa-la da nossa visita. Como o agente tem uma chave suplente, está claro, que a proprietária saberia que mais cedo ou mais tarde iria aparecer alguém para conhecer a sua casa. Mas a senhora prontificou-se a indicar que não se encontrava no local e que a casa estava muito desarrumada... Azar, fomos na mesma. Quando entramos achei a sala e a cozinha com dimensões e um design espectaculares... pensei cá para mim "desarrumado a onde?". Quando entramos no quarto, eis que a cama não estava feita, os livros e os sapatos estavam desarrumados, toalha de banho enrolada em cima da cama, e... cuecas no chão. Pois então, deparamos com o cenário de o senhor a tentar empurrar as cuecas com o pé na tentativa de esconde-las debaixo da cama, mas já foi tarde demais...
   
   

Podes Também Gostar De...

5 comentários:

AVOGI disse...

Ui, coitado do apanhado com as cuecas no chão. kis:)

ººº
... e se calhar com tantas historias p'ra contar.

Bjoooo

Lebasiana disse...

sim... mas conta lá mais... as cuecas estavam limpinhas?! é que a senhora até podia ser desarrumada e limpinha, não?! lol

jocas

A do giz disse...

Passam-se homens Lool

Isto quando se fala de algo que gostamos o caso muda logo de figura. E a verdade é que não estava mesmo a a espera de ver um escritor que admiro por ali Lol

Beijijnhos

guida disse...

AVOGI: acho que ele já está acostumado ver muita coisa pelo chão dos quartos ;)

Jota Ene: Ui... imensas!!

Lebasiana: hmmm eu não olhei muito para as cuecas, mas partindo do pressuposto que umas cuecas limpinhas nunca estariam no chão todas amarrotadas... logo não sei se estariam assim tão limpinhas! hahah A mulher pode ser desarrumada ao seu gosto e quando quiser, mas pelo menos eu não conseguia sair de casa sem arrumar o espaço e deixando-a minimamente apresentável a pessoas que queiram ver a casa. ;)

A do Giz: entendi ;)